Quem tem a resposta?

mar 27, 2020 | Texto de Dorval Tessari | 0 Comentários
Quem tem a resposta?

Diário de um confinamento #8

Quem tem a resposta?

Tenho passado muito mais tempo que preciso lendo jornais. Leio o Estadão e a Folha de São Paulo. Meus pais tem a assinatura do Jornal Pioneiro e por isso tenho acesso on line as suas publicações. Praticamente as matérias se resumem a infecção pelo COVID-19 e suas consequências. Em resumo: as consequências serão dramáticas para qualquer lado que nós, enquanto sociedade, escolhermos.

Quem tem a resposta para essa crise ?

Devo confessar que ontem fiquei ansioso, principalmente pela falta de orientação governamental. Receio que a população comece dar mais atenção a prefeitos, governadores e ministros que o Presidente da República. A tarefa presidencial é coordenar politicamente as ações dos mais diversos setores, e juntamente com um conselho, definir metas e programas de ação.

Nada disso esta acontecendo.

Voltamos a polarização de qualquer um contra qualquer um outro. Nos grupos de redes sociais, já iniciam as trocas de farpas entre os participantes e, ao invés de juntarem forças, se separam cada vez mais. Exemplos no mundo, de nações ricas e pobres sobre a necessidade do isolamento social e a implementação mais urgente possível. Milhares de cientistas trabalham incansavelmente para descobrir quem é esse vírus, como seu genoma muda constantemente, quais sao os sintomas de sua infecção; enfim, tudo ainda esta a ser esclarecido.

Na economia, o temor toma conta. Sem produção não há produtos; sem produtos não há consumo: sem consumo... Uma engrenagem difícil de ser contida dentro da nossa ótica de vida contemporânea. Economistas estão preocupados com o rumo de como as coisas estão; sanitaristas e a própria Organização Mundial da Saude recomendam o isolamento.

Existe um meio termo para tudo isso e quem deve trazer a resposta?

Até o momento não temos nenhuma respostas, e isso traz a angustia por não termos qualquer referencia de como enfrentar uma crise dessas. Mais uma vez, nos deparamos com a nossa insignificância perante a natureza.

Fique a dica
#FIQUE EM CASA

Nenhum comentário até o momento.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *